A nova lista, que começa a valer a partir de janeiro de 2016, inclui a ampliação do número de consultas com fonoaudiólogos, fisioterapeutas e psicoterapeutas.

Pacientes com transtornos da fala e da linguagem, que hoje têm direito a 24 sessões de fonoaudiologia por ano, passarão a ter direito a 48 sessões anuais. No caso da fisioterapia, os pacientes passarão a ter direito a duas consultas para cada nova doença diagnosticada (hoje, têm direito a apenas uma consulta por doença). As sessões de psicoterapia passarão de 12 para 18 por ano.

CursosTopo

Fonte G1

Veja mais CLICANDO AQUI: